Faça as coisas nos momentos certos, nem sempre as pessoas precisam de suas palavras, às vezes só precisam de um gesto pra perceberem que a felicidade é maior do que qualquer dor. Quando uma criança se machuca, você não pega livros pra explicar que aquilo é algo natural, você pega no coloca e a abraça, e logo ela está sorrindo outra vez. Com o passar dos anos, não é muito diferente, quando a vida derrubar alguém que você ama, a levante, poupe suas palavras, nem todos os momentos são exatos pra serem resolvidos com dizeres, apenas, a abrace e mostre que independente da quantidade de vezes que a vida derrubar, tu estará lá, junto, a abraçando enquanto ela compartilha as dores, e logo você a verá sorrir outra vez. No final percebemos que somos eternas crianças e que atitudes continuam valendo mais do que palavras.